• demacedogroup

Casamento Carol Celico e Eduardo Scarpa


25 de setembro de 2021 foi a data escolhida pela empresária Carol Celico e pelo também empresário Eduardo Scarpa para comemorar a união do casal com amigos e familiares. Os noivos fizeram uma linda celebração no interior de São Paulo, no Ville La Rochelle. O espaço no campo tinha um charme e atmosfera de vilarejo europeu, especialmente a Toscana.



Vale lembrar que pouco tempo antes, no dia 09 de setembro, o casal já havia realizado um mini wedding para a cerimônia civil e religiosa, na cidade de São Paulo.

Para Carol, a proximidade de datas para as duas celebrações teve um significado especial: “Nós queríamos realizar dois encontros para celebrar o nosso casamento: um religioso e civil mais íntimo, só com pais, irmãos e padrinhos, e um outro um pouco maior, mas também mantendo só pessoas mais próximas e que são importantes para mim e para o Eduardo.


O primeiro foi realizado no dia 09 de setembro, data que celebra o dia que criei a Fundação Amor Horizontal, e, para este segundo, selecionamos o dia 25 por ser o sábado mais próximo do aniversário do meu pai, que seria no dia 28. Ele adorava como eu recebia e como festejava e, por isso, decidimos fazer o casamento o homenageando. Selecionamos tudo que ele mais amava: as comidas, os vinhos, a maneira que ele gostava de comemorar e reunir as pessoas que amava. Foi um dia muito especial e ele esteve presente em cada detalhe do casamento.”



A cerimônia, com inspiração italiana foi organizada pela Boutique de Três e foi realizada durante a tarde. Nem a chuva na parte da manhã diminuiu a animação. A celebração iniciou por volta das 12h e seguiu até a noite.

O vestido de noiva foi assinado por Paula Raia, que assinou também o vestido da primeira cerimônia e levou cinco meses para ficar pronto. O modelo representava o estilo romântico e feminino da empresária e assim como o primeiro, era midi. Tinha gola alta e foi produzido a partir de um tule com aplicações de renda. Um coque baixo foi a opção para o cabelo e a make, assinada por Henrique Martins, foi leve e natural. Durante a festa, Carol trocou o batom nude por um vermelho.



Assim como na igreja, Carol foi sozinha em direção ao altar. Celso Celico, o pai dela, faleceu no mês de janeiro de 2021.

Chris Ayrosa assinou a decoração, que tinha o trigo como destaque e a D. Filipa desenvolveu a louça do dia especial.

No lugar da lista de presentes, os noivos pediram doações para a Fundação Amor Horizontal, que apoia mais de 42 mil crianças no Brasil com material de educação e saúde e na qual Carol é fundadora e presidente voluntária.


Apesar do casamento na igreja católica, foi o pastor e teólogo Ed René Kivitz que abençoou os noivos, que falaram algumas palavras no altar. Carol não levou texto pronto. Ela disse que: “Todas as vezes que precisei discursar, foi melhor quando falei sem um texto pronto. Prefiro palavras que vêm do coração.”

A festa teve mais de 100 convidados, como as atrizes Milena Toscano e Monique Alfradique, além de amigas de longa data da noiva, como Fabiana Justus, Stephanie Kopenhagen e Gisela Saback. Questionada sobre o convite ao ex-marido, o jogador Kaká, Carol disse achar “desnecessário”, pois não tem uma relação de proximidade com ele.

A cerimônia também foi acompanhada pelos filhos de Carol, Luca e Isabella. Isabella, aliás, que é apaixonada por música e chegou a se aventurar ao lado da DJ da festa, Marina Diniz.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Banner Unicef.png